Cantora, compositora, multi-instrumentista

Ana Rita Simonka apresenta um repertório surpreendente tecendo suas canções originais junto com música espiritual tradicional para incorporar a força e o êxtase de diversos estilos como mantra, kirtan, qawalli, cantos cristãos e orações indígenas. Todas essas influências definem uma voz muito pessoal que sempre oferece uma versão totalmente nova de cada música para evocar um clima de êxtase, quase devocional. Suas melodias partem da tradicional música folclórica mineira para se misturar aos ambientes modais que ela incorpora dos Ragas Indianos, dos Maqam Árabes, dos Cantos Gregorianos e dos sons Xamânicos, estando aberta a todos os tipos de sonoridades que ela considera adequadas para criar um ambiente hipnótico e aconchegante para dar vida à mensagem visionária de suas letras. Proficiente em diversos instrumentos, Ana Rita Simonka toca Violão, Viola Brasileira, Tampura Indiana, Percussão Mundial e Sintetizadores, liderando todos os níveis da produção musical e alcançando uma incrível fluidez orgânica em sua música. Com uma busca obsessiva por novos sons, ela combina instrumentos que você nunca ouviu antes, como Taças Tibetanas com percussão Afro-latina; Santur da Pérsia com Cavaquinho, Flauta Ney Sufi com Bombo Leguero, Zamponas dos Andes com Sitar Indiano, Berimbau com Snujs Egípcios, Tablas com Viola Mineira, Derbaques com Djembê entre muitas outras surpresas. O combo mundialmente famoso da "voz e violão de Bossa Nova brasileira" atinge um novo nível com Ana Rita Simonka, que toca uma mistura exótica de Sambas, Bossas, Maracatus, Cirandas, Forrós e Milongas com uma influência inesperada de tons orientais que evocam Sitar, Sarod e Oud. É preciso um profundo trabalho artesanal para definir as harmonias adequadas a todas essas linguagens e assim, ela costuma levar muitas semanas para transformar uma escala oriental em uma seqüência de acordes de Bossa Nova, mas o resultado é certamente uma fusão de tirar o fôlego.

Leave a comment

Please or register to post.

Add comment